NEUROENDOCRINOLOGIA

Home  /  Endocrinologia  /  Neuroendocrinologia

Neuroendocrinologia é a especialidade da endocrinologia responsável por tratar as disfunções endócrinas provocadas pelo mau funcionamento da hipófise e do hipotálamo.

A hipófise, pequena glândula posicionada próxima à base do crânio em região muito protegida do cérebro, é responsável pelo estímulo e controle de outras glândulas além de produzir hormônios com ação no corpo todo. Entre os hormônios secretados pela hipófise, pode-se citar: o do crescimento (GH), prolactina (PRL), folículo-estimulante (FSH), adrenocorticotrófico (ACTH), tireotrófico (TSH), gonadotróficos ou luteotrófico (LH).

Estes hormônios produzidos pela hipófise são essenciais para o bom funcionamento da tireóide, dos ovários, testículos, glândulas suprarrenais e hormônios de crescimento. Conheça alguns dos problemas endócrinos mais comuns tratados na área da neuroendocrinologia.

Doença de Cushing

As glândulas suprarrenais têm como uma de suas funções a produção do cortisol. Disfunções nesta glândula podem gerar uma superprodução do cortisol, levando a sérias complicações, tais como a obesidade, aparecimento de estrias avermelhadas e hematomas na pele, o diabetes e a hipertensão.

Hiperprolactinemia

A hipófise também produz o hormônio da prolactina. Este hormônio, por sua vez, regula outros hormônios femininos importantes, envolvidos na menstruação e na ovulação da mulher. Disfunções hipofisárias podem gerar, portanto, a infertilidade, períodos menstruais irregulares ou ausentes, sintomas da menopausa, entre outras complicações.

Deficiência de GH

A deficiência de hormônio do crescimento ocorre quando o GH não funciona da maneira como deveria. O GH é responsável não apenas pelo processo de crescimento em si, mas por atividades metabólicas em geral, como retenção de cálcio para os ossos, produção de homeostase e estímulo ao sistema imunológico. A deficiência de hormônio do crescimento pode ser total ou parcial e em geral é decorrente de causas genéticas.

Consulte sempre um endocrinologista. Este especialista solicitará exames apropriados para monitorar os níveis de hormônios do seu organismo e estará apto para tratar quaisquer distúrbios encontrados.

Agende sua consulta!





    Edivaldo Rodrigues dos Santos Junior - Doctoralia.com.br